In February of this year, the British government announced the implementation of a comprehensive study on the well-being of students based on the practice of mindfulness, which is now part of the curriculum of at least 370 educational institutions. The objective of this initiative is to reduce stress levels and help children and adolescents to deal with feelings and challenges. Continue reading “What is mindfulness and what does it have to do with children?”

mindfulness, ou atenção plena, é um estado que foca no momento presente a fim de perceber pensamentos, sensações corporais e emoções no momento em que ocorrem. Ao estarmos mais conscientes do que desencadeia determinados comportamentos e sentimentos, lidamos melhor com as circunstâncias mais desafiadoras do cotidiano. Evidências científicas de centenas de universidades, incluindo centros dedicados ao estudo da prática na University of Massachusetts Medical School (EUA) e na Universidade de Oxford (Reino Unido), sugerem fortemente que o mindfulness reduz o estresse e ajuda na construção de uma força interior capaz de fazer com que futuros fatores de exaustão tenham menos impacto na felicidade e no bem-estar físico.

Entenda a influência do mindfulness nas crianças

Os programas de mindfulness têm aparecido como uma das ferramentas para o desenvolvimento de habilidades socioemocionais no ambiente escolar. A meditação e técnicas respiratórias são alguns dos recursos utilizados para ajudar crianças e jovens a aprimorarem a concentração e valores como empatia e compaixão.

Benefícios:

  • Melhora da memória
  • Redução da impulsividade
  • Desenvolvimento de habilidades naturais de resolução de conflitos
  • Redução da ansiedade e estresse

Para as crianças, os efeitos de práticas que estimulam o olhar para dentro, momentos de introspecção e paz, são ainda mais expressivos, pois o cérebro, por estar em formação, é mais receptivo a estímulos. Na prática, isso se reflete em maior socialização, com impacto positivo no relacionamento com pais e colegas, e redução de sentimentos como raiva e tristeza.

“Para nós, o mindfulnessyoga, meditação e outros recursos que promovam o bem-estar estão ligados à sustentabilidade, que nada mais é que o equilíbrio entre os seres, suas relações e o meio em que vivem”, define Ana Célia Campos, diretora pedagógica da Builders Educação Bilíngue.

Na escola, todas as aulas começam com pelo menos cinco minutos de meditação. Atividades de bem-estar, com aulas de yoga, por exemplo, integram o currículo e uma Orientadora Educacional desenvolve vários programas, de acordo com a faixa etária da criança, com o objetivo de despertar o autoconhecimento.

 

Michella Renan dos Santos

Coordenadora de Comunicação e Marketing da Builders Educação Bilíngue.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *